BEM VINDO! Aviso á tripulação! Aqui inicia-se mais um blog neste oceano tão vasto que é a Blogoesfera.Aqui irão ser trazidos e comentados varios assuntos que acho que sejam de salientar. Sintam-se á vontade para participar ,falem bem ou falem mal mas falem Então apertem os cintos.Vai-se iniciar a viagem. .

19/11/2009

Africa do Sul e o Mundial

O proximo Mundial que ira decorrer no proximo ano na Africa do Sul,ja esta a conjugar esforços e a tomar medidas com vista a preparação do mesmo num País onde a taxa de criminalidade é bastante elevada.Pode ser que este Mundial para alem de nos proporcionar bons momentos ao vermos a nossa selecção a jogar tambem sirva para melhorar um pouco as condições de vida das pessoas que vivem naquele País começando mesmo pelo factor de segurança(nem que seja so durante 1 mes) ou pela rede hospitalar pública a qual tem vindo a degradar-se.

África do Sul: Luso-descendente Diniz Adrião é o responsável
Segurança precária

As autoridades e o governo estão a fazer um enorme esforço para garantir a segurança dos adeptos de futebol. "Não deixem de vir ao Mundial de futebol em Junho de 2010 por receios de segurança" – é a mensagem inequívoca transmitida aos portugueses pelo capitão Diniz Adrião, um luso-descendente com uma longa carreira nos Serviços de Polícia da África do Sul.


Com funções directamente associadas ao planeamento da segurança durante o Mundial de 2010, Adrião não nega que a África do Sul tem um sério problema de criminalidade violenta, mas admite que a imagem externa do país é bem mais negra do que a realidade.

"Temos unidades especiais a receberem treino específico de segurança de espectadores em recintos desportivos, com a participação de oficiais franceses, temos outras a receberem treino dos norte-americanos em explosivos, antiterrorismo, operações especiais, adquirimos equipamentos ao nível dos mais modernos utilizados pelas forças policiais em todo o Mundo, incluindo aviões telecomandados para vigilância do espaço aéreo. Estamos convencidos de que o Mundial vai decorrer em normalidade", salienta Diniz Adrião.

Também o embaixador português em Pretória, João Ramos Pinto, reconhece o aumento da criminalidade violenta e por vezes gratuita, e avisa: "Não se aventurem por locais desconhecidos sozinhos. Oiçam e levem a sério os conselhos das autoridades, das embaixadas, dos operadores turísticos e de amigos residentes."

BANDEIRA PORTUGUESA JÁ FOI HASTEADA

A bandeira portuguesa foi ontem hasteada, por um menino luso--descendente, junto ao Estádio Soccer City e o novíssimo edifício--sede da Federação sul-africana.

E é mesmo ali, a ondular ao sabor da brisa sul-africana, a olhar para os dois símbolos do Mundial, que está desde a manhã de ontem hasteada a bandeira das quinas, ombreando com outras 31, de todas as nações que competirão, desde o dia 11 de Junho a 11 de Julho do próximo ano, pelo título mundial .

Poucas horas após ter saboreado o triunfo na Bósnia e o apuramento para o Mundial, Portugal passou a ter lugar cativo neste quarteirão dominado pelo imponente estádio da final do Mundial e pelo emblemático edifício, encimado por uma bola de vidro, onde se situa o ‘cérebro’ de toda a logística do torneio e onde a FIFA mantém em permanência, alguns dos seus melhores técnicos.

APONTAMENTOS

ALERTA

A África do Sul tem um índice de criminalidade muito elevado. São frequentes os casos de assaltos à mão armada e roubos de veículos ou de pessoas a viajarem em veículos, em especial nos semáforos e parqueamentos.

ANDAR SEM BENS

Evitar andar com bens na rua. Deixar no hotel a identificação, dinheiro e objectos valiosos. Não andar com telemóvel ou máquinas fotográfica ou de filmar.

MULTIBANCO

Nunca fazer levantamentos no multibanco em período nocturno. Em caso de emergência procurar uma bomba de gasolina ou um centro comercial para efectuar a operação.



NOTAS

VIAGENS: GRANDE PROCURA

Os portugueses já começaram a procurar junto das agências de viagens pacotes com destino à África do Sul, apesar de ainda não estarem definidas as cidades onde joga Portugal

SAÚDE: VACINAS

A gripe A é uma das preocupações. Vacina contra a raiva é aconselhada. A vacina da febre amarela é obrigatória para maiores de um ano de idade

HOSPITAIS: DEGRADAÇÃO

A rede hospitalar pública tem vindo a degradar-se na África do Sul, mas há uma rede clínica e hospitais privados de muito boa qualidade

Sem comentários:

Publicar um comentário