BEM VINDO! Aviso á tripulação! Aqui inicia-se mais um blog neste oceano tão vasto que é a Blogoesfera.Aqui irão ser trazidos e comentados varios assuntos que acho que sejam de salientar. Sintam-se á vontade para participar ,falem bem ou falem mal mas falem Então apertem os cintos.Vai-se iniciar a viagem. .

31/08/2009

Guantanamo: Ex-detidos estão em Portugal há quatro dias


Como alguem achou que tinhamos ca poucos terroristas vai de embute e manda vir mais alguns Sirios de um campo de concentração norte Americano detidos apos o 11 de setembro .Como somos muito hospitaleiros O estado( ou seja nós) paga-lhes casa e segurança privada para se inserirem bem dentro da sociedade.Ainda lhes deve dar subsidios de reinserção e se tudo correr bem tambem irão dar aulas de vouo e para depois poderem ir contra a assembleia da republica.Quanto aos que nasceram cá contentem-se em poder ajudar tão nobre causa e se quiserem casa para morar trabalhem para a pagar .Mai nada



Islâmicos estão prontos para ajudarEstiveram detidos no campo de concentração norte-americano de Guantanamo sete anos e chegaram a Portugal há apenas quatro dias. Os dois cidadãos sírios, que Portugal acolheu para ajudar a administração de Barack Obama a encerrar aquele centro, terão liberdade de circulação no país e casa paga pelo Estado.
Tudo para os ajudar a refazer a vida e a integrarem-se na sociedade, como já aconteceu em 2004 quando Portugal acolheu Ann Tajeh, um dos 13 palestinianos que se tinham refugiado na Igreja da Natividade em Israel, depois de perseguidos pela polícia israelita.
Pronta para colaborar na integração dos dois sírios está também a Comunidade Islâmica de Lisboa. Abed, o secretário da comunidade encarregue do departamento de apoio humanitário a refugiados, afirmou ao CM que ainda não tinham sido chamados a intervir nesta situação, mas que estão "disponíveis".
Pouco se sabe sobre os ex-detidos. Apenas que "são pessoas livres e estão a viver em residências cedidas pelo Estado", refere uma nota do Ministério da Administração Interna (MAI).
E terão segurança 24 horas por dia até que estejam reunidos todos os indícios de uma perfeita integração.
A sua identidade será mantida secreta por razões de segurança e para manter a sua privacidade.
A mesma nota do MAI também referiu que os cidadãos escolhidos estavam no grupo dos que manifestaram interesse em ser acolhidos por Portugal.
Em Junho a Reprieve, associação internacional humanitária que luta pela libertação dos detidos em Guantanamo, fez saber que havia 11 prisioneiros interessados em vir para o nosso país. Eram todos líbios e sírios.
Porém, coube ao Governo português fazer a selecção. Esta escolha obedeceu a uma avaliação de vários critérios, nomeadamente do grau de risco da nacionalidade e do cadastro dos ex-detidos.
APONTAMENTOS
230 EM GUANTANAMO
O campo de concentração de Guantanamo foi criado após os atentados de 11 de Setembro. Tem 230 prisioneiros.
O JOVEM PALESTINIANO
Ann Tajeh integrou-se com a ajuda da Representação Palestiniana no nosso país.

Sem comentários:

Publicar um comentário