BEM VINDO! Aviso á tripulação! Aqui inicia-se mais um blog neste oceano tão vasto que é a Blogoesfera.Aqui irão ser trazidos e comentados varios assuntos que acho que sejam de salientar. Sintam-se á vontade para participar ,falem bem ou falem mal mas falem Então apertem os cintos.Vai-se iniciar a viagem. .

27/10/2009

Este País não é Para velhos 2

É triste chegar a idoso no nosso País .Dantes os idosos tinham um papel activo na familia,e ajudavam a transmitir valores e educação aos netos, não digo que hoje em dia não haja casos que tambem não seja assim mas grande parte dos idosos nos dias de hoje são abandonados ou em lares ou em hospitais onde acabam por sofrer maus tratos,e não são respeitados,40 000 chegam mesmo a passar fome.Um País que não protege os seus idosos é um País que não protege o seu passado e destroi o seu futuro.


Um inquérito da Deco concluiu que existem pelo menos 40 mil idosos em Portugal não têm dinheiro para comer e o preço dos alimentos é o factor mais importante na hora de comprar.


Segundo o estudo, realizado através de questionário enviado em Fevereiro e Março para 3423 idosos, entre os 65 e os 79 anos, que vivem em casa, 64 por cento dos inquiridos elege o preço como "o factor que mais decide a escolha" dos alimentos, seguindo-se a qualidade e o sabor dos alimentos.

"A difícil situação económica e a falta de autonomia influenciam de forma negativa o que se come: mais de um quinto dos inquiridos indicou ter dificuldades financeiras", pode ler-se no estudo que será público da edição de Novembro da Proteste.

Segundo os analistas, 35 por cento dos idosos comem mal devido a problemas dentários, 24 por cento por dificuldades financeiras, 13 por falta de apetite e 12 devido aos medicamentos.

No que diz respeito aos alimentos, o inquérito concluiu que a carne é o principal alimento da dieta dos idosos em detrimento do peixe. "O custo do peixe é um dos factores que explica esta opção", diz o estudo.

A Deco concluiu ainda que a maioria dos idosos, principalmente homens, bebem mais álcool do que o recomendável, mais de dois copos por dia. O estudo foi realizado a propósito do Dia Internacional dos Idosos, que se assinala amanhã.

Sem comentários:

Publicar um comentário