BEM VINDO! Aviso á tripulação! Aqui inicia-se mais um blog neste oceano tão vasto que é a Blogoesfera.Aqui irão ser trazidos e comentados varios assuntos que acho que sejam de salientar. Sintam-se á vontade para participar ,falem bem ou falem mal mas falem Então apertem os cintos.Vai-se iniciar a viagem. .

01/12/2009

Binde a mim as criancinhas


Binde a mim as criancinhas

Quando na semana passada O Padre de carvalho freguesia de Celorico de Basto fugiu com a jovem de 18 anos abdicando da sua vida eclesiastica soube-se que o bispo lhe tinha aconselhado a não tomar essa atitude que poderia continuar a namorar a rapariga desde que ninguem soubesse.
Agora sabe-se que tambem padres em Dublin andaram envolvidos com jovens e foram encobertos pelo vaticano e pelos vistos por mais crimes que cometam perante a lei dos Homens são impunes perante a lei terrena,chegando ao ponto de o proprio governo da Irlanda ter necessidade de pedir desculpas por não conseguir responsablizar as autoridades religiosas.Se por um lado continuam a proibir os metodos contracepcionais por outro encobrem crimes cometidos contra crianças.


Irlanda: Igreja encobriu pedofilia de padres

A Igreja Católica irlandesa encobriu sevícias sexuais contra crianças realizadas por padres da região de Dublin durante quatro décadas, de acordo com um relatório de inquérito oficial divulgado esta quinta-feira.


As vítimas congratularam-se com a publicação do relatório, mas adiantaram que o governo e a Igreja ainda têm muito que fazer para compensar os erros do passado.

No total, foram apresentadas 320 queixas e analisados os casos de 46 padres.

O governo já reagiu, pedindo desculpa pelo fracasso do Estado em responsabilizar as autoridades eclesiásticas nestes casos.

O caso foi denunciado pelo executivo irlandês em Maio deste ano através de um documento que denunciava abusos sexuais a crianças em orfanatos católicos. Hoje, o governo publicou uma nota que informava que esses abusos tinham sido cometidos por padres de Dublin.

Sem comentários:

Publicar um comentário