BEM VINDO! Aviso á tripulação! Aqui inicia-se mais um blog neste oceano tão vasto que é a Blogoesfera.Aqui irão ser trazidos e comentados varios assuntos que acho que sejam de salientar. Sintam-se á vontade para participar ,falem bem ou falem mal mas falem Então apertem os cintos.Vai-se iniciar a viagem. .

21/12/2009

PJ Investiga

Que as varias mafias ,da Romena á Brasileira, ja ca estão implantadas embora ja se desconfia-se teve-se a certeza a semana passada com a noticia que a mafia brasileira estava por tras dos negocios da noite em Lisboa.
Que o crime continua a aumentar basta ver os dados dos proprios comerciantes "Em cinco anos de existência, a pastelaria já foi assaltada seis vezes – três delas só em 2009"não é preciso ser muito bom a matematica para fazer a conta.
Que a lei protege os criminosos vai-se sabendo conforme saem as decisões finais dos tribunais que na maioria das vezes aguardam julgamento em liberdade e no fim apanham com uma pena suspensa. Agora quando é que esta onde de criminalidade que so tem tendencia a piorar vai acabar é que ainda não se sabe , ate porque não deve muito interese nisso.Portugal cada vez mais a passar a imagem de Republica das Bananas onde o crime compensa criando assim um País onde as pessoas cada vez menos se sentem seguras em viver a todos os niveis.Caso não tomem medidas para inverter esta situação Portugal esta destinado a tornar-se numa das aldeias perdidas do interior onde so os velhos la moram ja que os Jovens optaram por mudar-se para sitios mais desenvolvidos com mais oportunidades e qualidade de vida.


Sintra: Três homens armados espalham terror em pastelaria

Mal saiu à rua para levar o lixo, Gilmar Fernandes sentiu uma pistola apontada ao corpo. Eram 23h00 de sábado e o homem de 37 anos acabara de fechar a pastelaria Boreau, na rua Miguel Bombarda, em Queluz, Sintra. No estabelecimento estava apenas o proprietário de 37 anos e a mulher, que viveram momentos de terror na mão de dois perigosos ladrões. No exterior aguardava um terceiro elemento ao volante de um Audi A4.


"Fiquei muito assustado porque tinha a minha mulher comigo. Fui obrigado a entrar e o ladrão não tirava a arma do meu corpo. Foi nesse instante que não pensei duas vezes e agarrei-me à arma", relata ao CM Gilmar Fernandes.

Seguiu-se uma luta entre Gilmar e um dos ladrões, que resultou em duas montras partidas. "Fomos contra os vidros e destruímos tudo", lamenta a vítima. O assaltante, ao ver que o roubo não estava a correr como planeado, chamou um comparsa que entrou e agrediu Gilmar. "Deu-me mais de dez coronhadas, porque eu não largava o colega. Sei que podia ter morrido, mas não podia deixar de evitar que me roubassem outra vez. Já é demais", acrescenta revoltado e ainda com as marcas das agressões na cara.

Em cinco anos de existência, a pastelaria já foi assaltada seis vezes – três delas só em 2009. Anteontem, o trio só conseguiu levar cinco euros, porque, uma vez que a pastelaria já estava encerrada, os proprietários já haviam retirado o dinheiro.

Quando Gilmar já estava no chão, um dos ladrões que entraram no estabelecimento ainda se dirigiu à caixa registadora, mas não conseguiu levar nada. Estão a monte. A Polícia Judiciária investiga.

MULHER LEVA CORONHADA

Simone Badoca, mulher de Gilmar, assistiu incrédula às agressões e ao assalto perpetrados pelos dois ladrões que irromperam pela pastelaria. "Eu só gritava. Queria que eles fossem embora e tinha medo que pudesse acontecer alguma coisa de muito mau", confessa. A mulher de 34 anos também foi agredida com uma coronhada na boca. Foram os dois encaminhados ao Hospital Amadora-Sintra, para receber tratamento médico.

"É horrível ver que lutamos pelas nossas coisas e que depois nos roubam tudo. O pior é a dureza com que entram nos estabelecimentos. Fiquei sem ver. Não conseguia abrir os olhos. Estava cheio de sangue", lamenta Gilmar. O homem, nascido no Brasil, diz que "2009 foi o pior ano", não só pelos assaltos, mas sobretudo pela violência utilizada. Fonte policial revelou ao CM que o trio é suspeito de estar envolvido em outros assaltos.

Enquanto isso ,mais a SUl...

Vaga de assaltos regressa a Setúbal
Dois roubos violentos e outros tantos furtos assolaram a cidade no final da última semana. Na Margem Sul do Tejo o crime violento também voltou.


Ainda mais a Sul...

Casal suíço foi espancado na sua vivenda do Algarve
Idosos foram atraídos por barulho de tiro à porta da sua moradia, na serra de Loulé. Sexto caso registado em 4 meses.
Os assaltantes cortaram a rede que delimita a propriedade para entrar no terreno do casal Allemann. Depois dispararam para o ar para os atrair até à rua

Sem comentários:

Publicar um comentário